terça-feira, 16 de agosto de 2022

PESQUISA BTG/PACTUAL - LULA CRESCE, BOLSONARO ESTAGNA

Dados da pesquisa BTG Pactual, feita pelo Instituto FSB e divulgada nesta segunda-feira (15), apontam que o ex-presidente Lula (PT) tem 45% das intenções de voto na disputa pela Presidência da República nas eleições de 2022. Jair Bolsonaro (PL), candidato à reeleição, manteve os 34% das preferências da última pesquisa divulgada há uma semana.

Em terceiro lugar aparece Ciro Gomes, do PDT, 8%, seguido por Simone Tebet, do MDB, 2%. Felipe D’Avila, do Novo, Soraya Thronick, do União Brasil, José Maria Eymael, do DC, Vera Lúcia, do PSTU, Sofia Manzano, do PCB, Leonardo Pericles, do UP, Pablo Marçal, do Pros, e Roberto Jefferson, do PTB, não pontuaram. Brancos, nulos ou nenhum dos candidatos somam 6% e os indecisos são 2%.

O levantamento encomendado pelo Banco BTG Pactual ouviu 2 mil pessoas, entre os dias 12 e 14 de agosto, por telefone. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos é o nível de confiança é de 95%. A pesquisa está registrada no TSE com o número: BR-00603/2022.

AGENDA DOS PRINCIPAIS CANDIDATOS AO GOVERNO DE PERNAMBUCO NO 1° DIA DE CAMPANHA

Marília Arraes 

Ligada a Miguel Arraes desde o início, em 1987, a antiga favela terá, mais uma vez, um papel crucial na história de Pernambuco: nesta terça-feira, a partir das 16h, Roda de Fogo vai receber a candidata ao governo do Estado, Marília Arraes, em uma caminhada no primeiro ato oficial da campanha eleitoral nas ruas.
Raquel Lyra

A candidata ao Governo do Estado, Raquel Lyra (PSDB) fará nesta terça-feira (16), a partir das 14h, o seu grande ato de campanha em Caruaru, cidade que administrou por dois mandatos e que passou por grandes transformações que mudaram para melhor a vida da população. 

Miguel Coelho

7h30 - Caminhada 44 na feira de Parnamirim 

10h - Encontro com lideranças em Terra Nova

13h - carreata e motociata 44 em Orocó

13h44 - grande ato político em Orocó

15h - Motociata em Santa Maria da Boa Vista

18h44 - Grande ato popular em Petrolina
Anderson Ferreira

12h30 - Almoço no Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado de Pernambuco (Sinduscon) - Local: Rua Marques Amorim, 136, Boa Vista - Recife

14h30 - Coletiva de Imprensa - Local: Rua Barão de Souza Leão, 451, Boa Viagem - Recife

16h30 - Caminhada no bairro de Ponte dos Carvalhos - Cabo de Santo Agostinho

Concentração: Rua Diomedes Ferreira de Melo.

19h30 - Caminhada no bairro de Cajueiro Seco - Jaboatão dos Guararapes

Concentração: Rua do Futuro.
Danilo Cabral

Uma grande caminhada pelas ruas do simbólico bairro de Brasília Teimosa, no Recife, marca nesta terça-feira (16) o primeiro ato oficial da campanha do candidato a governador Danilo Cabral (PSB). A concentração será às 17h na antiga Cobal - onde também haverá a apoteose com um comício encerrando o evento. Estão programados pronunciamentos de Danilo, da candidata à senadora Teresa Leitão e do prefeito do Recife, João Campos. 

Na Lupa🔍 Terça 16/08/22, Blog do Edney

BLOG DO EDNEY
NA LUPA 🔎 


PESQUISA DO IPEC NA REDE GLOBO MOSTRA MARÍLIA ARRAES NO SEGUNDO TURNO A ESPERA DE UM ADVERSÁRIO 

Marília Arraes se equipara a um
jogador de Futebol que estava no banco de reservas e entrou no hino no finalzinho do segundo tempo e fez o gol que levou à vitória do time que até então estava sem rumo e sem prumo. Após liderar todas as pesquisas numéricas (quantitativas) desde que começou a sua caminhada na pré-candidatura que liderou todos os cenários em todos os institutos dos menores aos grandes. Mostrou também a estabilidade e a seriedade dos levantamentos realizados no período e principalmente os institutos transmitiram muita confiança e credibilidade para com o eleitor e o público em geral de leitores não só da nossa coluna NA LUPA, mas sobretudo de todos os veículos e meios de comunicação pernambucanos. Vamos apresentar uma leitura que não possui o “condão científico” mas que é meramente opinativo deste colunista sempre em conversas e debates com outros analistas do meio político. 
PESQUISA NA GLOBO 1 - As informação sobre o IPEC Inteligência em Pesquisa e Consultoria, mais conhecido sob o acrônimo IPEC: É uma empresa brasileira de pesquisas de mercado, opinião e política com sede em São Paulo. A empresa foi fundada em fevereiro de 2021 por executivos oriundos do antigo Ibope logo após o encerramento das atividades deste. Dentre seus sócios-fundadores está Carlos Augusto Montenegro, antigo presidente do Ibope.Em março de 2021, divulgou sua primeira pesquisa na área política sobre a eleição presidencial brasileira de 2022.
REDE GLOBO - Pesquisa Ipec em Pernambuco: Marília, 33%, Raquel, 11%, Anderson, 10%, Miguel, 9%, Danilo, 6%. A pesquisa ouviu 1.200 pessoas entre os dias 12 e 14 de agosto em 50 cidades pernambucanas. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%.  A Pesquisa do Ipec (ex-Ibope) divulgada nesta segunda-feira (15) pela TV Globo revela os índices de intenção de voto para o cargo de governador de Pernambuco. A candidata do Solidariedade, Marília Arraes, lidera a disputa com 33% das intenções de voto.  A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-09411_2022.
NA VEIA- A tradição familiar de Marília Arraes conta muito na política. Embora os filhos de Miguel Arraes não tenham se aventurado na política, com excessão de Ana Arraes que foi deputada federal pelo PSB, a política ficou mesmo para os netos e bisnetos. Em tese pulou uma geração levando João Campos a Câmara Federal, no mesmo ano que Marília Arraes deixou a câmara de vereadores do Recife e chegou como a segunda deputada mais vem votada do estado, numa campanha feita por amigos e pela criatividade, após ser expurgada da disputa pelo governo do estado em 2018. Em 2020 veio o “embate dos primos” a ferrenha disputa que chegou ao segundo turno no embate entre João Campos e Marília. Nesta eleição as fake news e contrapropaganda em cima de Marília Arraes funcionou e João Campos levou a melhor na campanha mais baixa dos últimos tempos no estado. 
NA VEIA 2- Agora novamente um novo embate se avizinha pela disputa também do mandato de deputado federal. Maria Arraes, irmã de Marília e Pedro Campos, irmão de João estão, por frentes diferentes disputando a vaga que já foi ocupada por Arraes, Eduardo, Ana Arraes, João e Marília. Em que pese serem adversários ferrenhos, vão mantendo e construindo páginas na história. Marília chegou primeiro na disputa pós-Eduardo Campos porque João não tem idade para a disputa, se tivesse, seria o candidato do PSB. Portanto Marília Arraes conseguiu “aplicar” o sangue da pernambucanidade na veia do eleitor e disputa como favorita a primeira vaga que levará o segundo turno das eleições. 
PESQUISA IMPRESSÕES 1 - a principal observação da pesquisa recai logicamente no candidato da Frente Popular de Pernambuco, deputado federal Danilo Cabral(PSB) literalmente estagnado em todos os institutos e todos os levantamentos sejam quais forem. Apesar do segundo lugar está embolado, Marília Arraes possui um capital eleitoral três vezes mais do que o segundo colocado, trata-se de um feito em tanto para quem entrou no jogo já nos pênaltis. 
PESQUISA IMPRESSÕES 2- Raquel Lyra mantém a ferro e fogo ligeiramente na frente o seu passaporte para o segundo turno, porém não pode respirar com Anderson Ferreira e Miguel Coelho plantados logo atrás e numericamente empatados dentro da “margem de erro”. Bem que o Professor Antônio Lavareda previu em um dos seus brilhantes artigos colocado que teríamos a eleição mais atípica de todos os tempos na história Pernambucana. 
PESQUISA IMPRESSÕES 3 - Ontem mesmo Danilo Cabral pediu para todos os que o apoiam se dirigirem ao Recife para uma mega reunião de ajustamento de campanha na tentativa caro leitor de “estancar a sangria” (nada a ver com a fala atribuída aquele senador na lava jato). O que estamos falando e estancar a saída de prefeitos, ex-prefeitos e vereadores e ex-candidatos que estão em “alta agonia” para desembarcar do barco governista. Olhe que a lista e grande viu. O que te de gente agoniada e cansada desse quinto lugar de Danilo Cabral em todas as pesquisas. Coisa até 5 meses atrás impensável de acontecer. A máquina de moer do PSB , imaginava chegar aqui já liderando as pesquisas, achou engraçado? Pode ter certeza que a meta era essa daí. 
RESUMO- Diante dos fatos resta agora saber quem vai ao segundo turno contra a neta de Miguel Arraes de Alencar. Uns apostam em Anderson Ferreira pela polarização nacional. Os socialistas apostam velados que quem vai será Danilo. Miguel Coelho quer ser a zebra e comer o “cartão” dos demais. Começou os Jogos ! Apertem os cintos que a turbulência está no ar. É isso aí.

PASSANDO A LUPA🔍

BIVAR - Presidente do União Brasil e candidato à reeleição para deputado federal, Luciano Bivar fará a inauguração do seu comitê e da candidata à Presidência da República, Soraya Thronicke, hoje terça-feira (16), às 18h. O espaço fica localizado na Av. Domingos Ferreira, 2084, bairro de Boa Viagem, Recife. O comitê está situado exatamente ao lado da Imobiliária Paulo Miranda e em frente ao restaurante Macunaíma, principais pontos de referência. No local, haverá brinquedos para crianças, música, foodpark, adesivação e material em geral para a campanha de Luciano Bivar à Câmara Federal.
ALIADO INGRATO - Ao anunciar, ontem, que em um eventual governo sob a sua tutela Pernambuco terá o IPVA mais barato do Estado, o candidato chapa branca Danilo Cabral assumiu de fato que não há nada na gestão Paulo Câmara que possa dar continuidade em benefício da maioria da população. A cada ação, a cada gesto e iniciativa, ele joga uma pá de terra no padrinho da sua candidatura, só porque tem a impressionante marca de 73% de reprovação.

COLETIVA - Anderson Ferreira, postulante do PL ao Governo do Estado, apresenta à Imprensa, hoje, a partir das 14h30, às diretrizes do seu programa de governo no auditório do Mar Hotel Conventions, em Boa Viagem. Também estarão lá o candidato ao Senado, Gilson Machado Neto, e a candidata à vice-governadora, Izabel Urquiza (PL), além de representantes da equipe responsável pela elaboração do plano.
NAS RUAS - Todos os candidatos iniciam hoje a campanha eleitoral com algum ato político. Anderson Ferreira participa de duas caminhadas: Cabo de Santo Agostinho e Jaboatão dos Guararapes. Raquel Lyra realiza ato político em Caruaru e Miguel Coelho em Petrolina. Danilo Cabral e Marília Arraes iniciam a campanha no Recife.


ANDRÉ LIDER -  A novidade que a pesquisa IPEC encomendada pela TV Globo trouxe foi a liderança do deputado André de Paula na corrida pelo Senado. Fica evidenciado que a imagem do parlamentar está sendo colada à da sua candidata ao Governo, Marília Arraes. Em Pernambuco, por diversas vezes o governador eleito puxou o senador. Então, o empate técnico hoje posto entre ele e Tereza será resolvido com a proximidade do pleito, mediante à posição dos seus governadores.
LULA CABRAL - O Tribunal de Justiça de Pernambuco anulou a votação da Câmara de Vereadores que rejeitou as contas do ex-prefeito do Cabo de Santo Agostinho, Lula Cabral, no exercício 2017. O parecer do Tribunal de Contas era pela aprovação.

FOGO AMIGO - Diante das notícias que Bivar está mirando suas lideranças, o ex-ministro Mendonça Filho disse a aliados que isso não procedia. Uma coisa é Bivar e seu time tentar desidratar o aliado outra coisa é consegui. O tempo dirá que levou a melhor!
CLAUDIANO - O deputado estadual Claudiano Martins Filho vem desenvolvendo forte suas alianças no estado de Pernambuco. Sendo o majoritário no Agreste Meridional, Claudiano fechou aliança nesta segunda-feira com o prefeito do município de Maraial, Everaldo do Queijo. Além de Maraial, já são 12 prefeituras apoiando o deputado: Cedro, Manari, Iati, Paranatama, Terezinha, Lagoa do Ouro, Correntes, Angelim, Pedra, Caetés e Calçado.
O cenário mostra que Claudiano Filho deve ser, novamente, o deputado mais votado do Agreste Meridional.
PREFEITOS REVOANDO - Depois de receber ontem (15) a adesão do prefeito Manuca (Custódia) ao seu palanque, a candidata a governadora Marília Arraes (SD) deve anunciar nesta terça (16) o ingresso de mais outro gestor ao seu time, fazendo com que ela totalize o número de 24 prefeitos e prefeitas na sua base.

FRASE DO DIA“Conversamos sobre o risco de perseguição, que pode culminar no fechamento de igrejas. Tenho que alertar meu rebanho de que há um lobo nos rondando, que quer tragar nossas ovelhas através da enganação e da sutileza. A esmagadora maioria das igrejas está anunciando a seus fiéis: ‘tomemos cuidado’” (Marco Feliciano, deputado federal,  admitindo, à CBN, que divulga fake news nessas eleições. O parlamentar dava entrevista sobre a possibilidade de templos evangélicos serem fechados caso a esquerda volte a governar o país – um boato mentiroso que tem se espalhado nas igrejas pentecostais paulistas, segundo reportagem da rádio. Nem o PT, nem nenhum partido esquerdista, fará isso se vencer Jair Bolsonaro)

segunda-feira, 15 de agosto de 2022

PESQUISA IPEC - MARILIA 33%, RAQUEL 11%, ANDERSON 10%, MIGUEL 9%, DANILO 6%

Pesquisa Ipec em Pernambuco: Marília, 33%, Raquel, 11%, Anderson, 10%, Miguel, 9%, Danilo, 6%
A pesquisa ouviu 1.200 pessoas entre os dias 12 e 14 de agosto em 50 cidades pernambucanas. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%.
Por g1 PE

Confira a pesquisa do IPEC com as intenções de voto para o Governo de Pernambuco
Toque duplo para avançar
Confira a pesquisa do IPEC com as intenções de voto para o Governo de Pernambuco

Pesquisa do Ipec (ex-Ibope) divulgada nesta segunda-feira (15) pela TV Globo revela os índices de intenção de voto para o cargo de governador de Pernambuco. A candidata do Solidariedade, Marília Arraes, lidera a disputa com 33% das intenções de voto (veja vídeo acima).

A pesquisa ouviu 1.200 pessoas entre os dias 12 e 14 de agosto em 50 cidades pernambucanas. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-09411_2022.

Resposta estimulada e única:

Rejeição
Veja em quem os entrevistados pela pesquisa disseram que não votariam de jeito nenhum.

Resposta estimulada e múltipla:

Danilo Cabral (PSB): 22%
Marília Arraes (Solidariedade): 19%
Anderson Ferreira (PL): 18%
Miguel Coelho (União Brasil): 18%
João Arnaldo (PSOL): 16%
Raquel Lyra (PSDB): 14%
Ubiracy Olímpio (PCO): 13%
Jadilson Bombeiro (PMB): 12%
Jones Manoel (PCB): 12%
Claudia Ribeiro (PSTU): 11%
Pastor Wellington (PTB): 11%
Poderia votar em todos (resposta espontânea): 2%
Não sabe: 27%
Senado
Confira quais as intenções de voto para o Senado, de acordo com a pesquisa Ipec:

Resposta estimulada e única:

André de Paula (PSD): 14%
Teresa Leitão (PT): 12%
Guilherme Coelho (PSDB): 9%
Gilson Machado (PL): 7%
Carlos Andrade Lima (União Brasil): 3%
Esteves Jacinto (PRTB): 3%
Roberta Rita (PCO): 3%
Dayse Medeiros (PSTU): 2%
Eugênia Lima (PSOL): 1%
Teio Ramos (PMB): 1%
Brancos e nulos: 27%
Não souberam: 19%

PREFEITO, VICE E VEREADORES DE CUSTODIA MIGRAM PARA MARILIA

A coligação Pernambuco na Veia continua recebendo a adesão de prefeitos de todas as regiões do estado. Nesta segunda-feira (15), o prefeito de Custódia, Manuca de Zé Povo, e a vice-prefeita da cidade, Luciara de Nemias, declararam apoio à Marília Arraes, Sebastião Oliveira e André de Paula. O candidato a deputado federal, Waldemar Oliveira, também esteve no encontro e recebeu apoio.

Nove vereadores de Custódia também declararam apoio à chapa majoritária: Nidinho de Biu (presidente da Câmara Municipal); Messias do Dnocs; Nita Barreto; Anne Lira; Alysson de Yolanda; Bitcho Gois; Paulino Avícola; Neguinho da Maravilha; Carla de Nemias. O secretário de obras da cidade, Berg Lira, e o suplente de vereador, Anderson Goes, também declararam apoio. 

Nós acreditamos que Marília Arraes é o melhor nome para o nosso estado. Vamos caminhar ao lado de Marília, Sebastião e André de Paula, que será o melhor Senador de Pernambuco a partir do ano que vem”, afirma o prefeito. 

O apoio de Manuca demonstra que a nossa caminhada está cada dia mais forte. Agradeço a confiança na nossa chapa“, afirma Marília. “Manuca é um grande prefeito e tenho certeza que vai nos ajudar a fortalecer o Sertão do Estado“, ressalta André de Paula. “Temos certeza que Manuca e os vereadores nos ajudarão a reconstruir Pernambuco“, diz Sebastião.

DANILO SUBSTIMA A INTELIGENCIA DO POVO DE PERNAMBUCO, DIZ MIGUEL

Danilo subestima a inteligência dos pernambucanos ao prometer baixar o IPVA”, critica Miguel
O candidato a governador Miguel Coelho ironizou a promessa feita, nesta segunda (15), pelo deputado federal Danilo Cabral (PSB) de baixar o valor do IPVA. O ex-prefeito de Petrolina considerou a fala do socialista como mais uma “mentira eleitoreira” e lembrou que o governador Paulo Câmara tornou Pernambuco um dos estados que mais cobra impostos no Brasil.

“Só pode ser piada. O povo de Pernambuco registrando os carros na Bahia, na Paraíba e no Ceará para se livrar do IPVA alto, aí, agora, vem o candidato do PSB falar em baixar o imposto. É mais uma mentira eleitoreira. Danilo subestima a inteligência dos pernambucanos ao prometer baixar o IPVA”, alfinetou o candidato do União Brasil.

Miguel acrescentou ainda que o PSB se tornou especialista em cobrar impostos. O candidato do União Brasil lembrou que recentemente o governador Paulo Câmara decidiu até criar um tarifa vinculada a energia do sol. “O pernambucano está cansado do PSB cobrar tanto imposto e não entregar nada. O governador criou até um imposto sobre o sol. Resultado: várias empresas de energia solar estão migrando para outras regiões, estamos perdendo empregos e o povo penalizado. Mas Danilo finge que não é do PSB ou que o pernambucano é besta”, detonou o ex-prefeito de Petrolina.

DILSON FIRMA DOBRADINHA EM CARUARU COM EDSON VIEIRA

O candidato a deputado federal Dilson Oliveira (União Brasil) recebeu, oficialmente nesta segunda-feira (15), o apoio do ex-prefeito de Santa Cruz do Capibaribe e candidato a deputado estadual, Edson Vieira (UB), com quem fará dobradinha na cidade de Caruaru. Em reunião reforçaram o compromisso com o Polo Têxtil do Agreste. 

"Estou pronto para representar o povo pernambucano na Câmara Federal e nessa caminhada Edson vai estar ao meu lado, ajudando, lutando e defendendo a população", afirmou Dilson Oliveira. 

"Temos que pensar grande e no desenvolvimento da região e do nosso Polo Têxtil que movimentam a economia da nossa região", ressaltou Edson Vieira. 

Edson Vieira já foi vereador, presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz do Capibaribe, deputado estadual por Pernambuco em dois mandatos, prefeito de Santa Cruz do Capibaribe eleito em 2012, reeleito em 2016, busca novamente uma vaga na Alepe (Assembleia Legislativa de Pernambuco) e é esposo de Alessandra Vieira, candidata a vice-governadora com Miguel Coelho. 

"Tenho certeza que Dilson representará bem o Polo de Confecções do Agreste no Congresso Nacional", afirmou Edson

.DANILO RECONHECE O DESASTRE FISCAL DA COBRANÇA DE IPVA DE PAULO CÂMARA

 
SURPRESA- Muita gente não entendeu o desprendimento de Danilo Cabral nesta segunda-feira (15), durante entrevista à Rádio Liberdade de Caruaru. Falando a cerca de um tema relativamente caro ao eleitor pernambucano : a absurda e inexplicável cobrança caríssima de IPVA (Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores) em nosso estado. Dando uma de que “é independente” e se “fazendo que é oposição” Danilo Cabral que foi uma nulidade como gestor da Secretaria das Cidades, cuja questão de Detran e IPVA estavam debaixo da sua alçada, deu uma “de doído” e “se fez que não era com ele” vejam mesmo caríssimos leitores: 

FALA DANILO CABRAL;
“O IPVA de Pernambuco será o menor do Nordeste! Nós precisamos garantir uma política tributária para que quem vier empreender aqui, possa ter a certeza que vai pagar imposto de forma justa. Aqui em Pernambuco, no mínimo vamos dar as mesmas condições que qualquer outro estado do Nordeste. Se alguém baixar imposto, vamos baixar também! Seja na Bahia, Ceará, na Paraíba ou em qualquer outro. Nós vamos igualar a competitividade para quem quiser investir no nosso estado. Para que a gente possa gerar também atração de empreendimentos; alem de crédito, de toda essa parte da infraestrutura, logística, estrada, água, da formação de capital humano”, argumentou Danilo. 
INACREDITÁVEL- Além de esconder Paulo Câmara da sua campanha, como diz o jornalista Magno Martins, Danilo agora se faz que “não é com ele”. Ora, o governo que Danilo faz parte é quem estabelece a política fiscal de cobrança de tributos no estado e o valor do IPVA altíssimo tem também as digitais de todos os que representam o governo Paulo Câmara. E Danilo Cabral não só faz parte desde governo, como é o “herdeiro” escolhido para levar adiante essa hegemonia de 16 anos do PSB à frente do Palácio do Campo das Princesas. Paulo e Danilo não são apenas um só, fazem parte desse governo mais também desse desgoverno. A política está cada dia mais uma novela mexicana. É isso aí.

EMANUEL BRINGEL ADERE AO PALANQUE DE MARILIA ARRAES

Marília Arraes recebe apoio de Emanuel Bringel, ex-prefeito de Araripina
Durante sua passagem pelo Sertão do Araripe, Marília Arraes recebeu uma série de importantes apoios políticos de lideranças da região

Depois de confirmar o apoio do prefeito de Araripina, Raimundo Pimentel, e da candidata a deputada estadual, Socorro Pimentel, Marília Arraes, candidata ao Governo de Pernambuco, recebeu mais um importantíssimo apoio vindo do Sertão do Araripe: Emanuel Bringel, ex-prefeito de Araripina e ex-deputado estadual. A adesão de Bringel representa mais uma baixa do palanque de Raquel Lyra. 

O apoio oficial aconteceu durante o mega evento em Araripina na noite do último sábado. "Estou declarando apoio à Marília Arraes por acreditar que ela representa o melhor para o estado de Pernambuco", afirma Bringel. 

"A noite do sábado foi muito simbólica para nossa chapa majoritária. Receber o apoio de nomes tão importantes do Araripe é fundamental para a nossa caminhada", afirma Marília.

PESQUISA FOLHA DE PERNAMBUCO/IPESPE - EMPATE PARA SENADO


Folha de Pernambuco - A deputada estadual Teresa Leitão (PT) lidera em Pernambuco a disputa para o Senado Federal com 16% da preferência do eleitorado, de acordo com a pesquisa realizada entre os dias 10 e 12 de agosto, pela Folha de Pernambuco e o Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (IPESPE). Mil pessoas foram entrevistadas pessoalmente, através de questionários. 

Levando em consideração a margem de erro, de 3,2 pontos percentuais para mais ou para menos, a candidata está tecnicamente empatada com o ex-ministro Gilson Machado (PL) que apresentou 13% da intenção de voto. Tecnicamente, ele e Teresa também estariam empatados com o deputado federal André de Paula (PSD). Onze por cento dos eleitores disseram que votariam em André.

Em quarto lugar na disputa pelo Senado aparece o nome do ex-deputado federal Guilherme Coelho (PSDB). Ele tem 5% da intenção de voto. Empatados com 1% dos votos estão os candidatos Eugênia Lima (PSOL), Esteves Jacinto (PRTB), Roberta Rita (PCO) e Carlos Andrade Lima (União Brasil). A candidata Dayse Medeiros (PSTU) não pontuou.

Ainda segundo a pesquisa Folha de Pernambuco/Ipespe, 30% dos entrevistados responderam que não vão votar em nenhum candidato ao Senado, votarão nulo ou em branco. Outros 22% disseram não saber ou não responderam.  O nome do candidato Teio Ramos constava na lista estimulada, mas não foi mencionado por nenhum dos eleitores.

Gênero

Entre os entrevistados que disseram escolher Teresa Leitão, 16% são mulheres. A candidata tem o mesmo índice de votos no público masculino Já com Gilson Machado maioria é do sexo masculino (17%) e 10% são mulheres. Também é maior o percentual de homens que estão com André de Paula (13%) e 9% são do sexo feminino. O eleitorado feminino (6%) é maioria para Guilherme Coelho que tem 3% dos votos masculinos. Carlos Andrade Lima não pontuou entre as mulheres e apresentou 1% entre os homens.

Faixa etária

No público de 16 a 59 anos, Teresa Leitão surge com 16%. O índice sobe um ponto a partir dos 60 anos. 13% dos entrevistados de 16 a 24 anos e de 45 a 59 anos estão com Gilson Machado, que tem 12% dos votos na faixa de 25 a 44 anos e 16% a partir dos 60 anos. André de Paula atinge 8% dos consultados de 16 a 24 anos;11% dos que têm de 25 a 44 anos e 12% a partir dos 45 anos. Guilherme Coelho apresenta 3% na faixa etária de 16 a 24 anos; 4% de 25 a 59 anos e 8% a partir dos 60 anos. Carlos Andrade Andrade Lima apresentou: 1% de 16 a 44 anos e não pontuou a partir dos 45 anos.

Instrução

Em relação ao nível de instrução, 15% dos que afirmaram votar em Teresa Leitão possuem até o ensino médio e 20% têm nível superior. Entre os que escolheram Gilson Machado, 12% fizeram até o fundamental; 16%, o ensino médio e 10%, o superior. Quem está com André de Paula curso até o fundamental (12%, ensino médio (10%) e superior (9%). Os eleitores de Guilherme Coelho fizeram até o ensino médio (5%)e 3% têm nível superior. Carlos Andrade Lima não pontuou entre os entrevistados com até o fundamental e apresentou 1% entre os que têm ensino médio e ensino superior.

Renda familiar

Sobre a renda familiar, 16% dos entrevistados que informaram votar em Teresa Leitão ganham até 2 salários mínimos; 14% recebem mais de 2,5 salários e  23% têm renda maior que 5 salários. No caso de Gilson Machado, 14% ganham até 2 salários mínimos; 13%, mais de 2,5 salários e 12% mais que 5 salários. No eleitorado de André de Paula, 10% têm renda de até dois salários; 13%, mais de 2,5 mínimos e 7% recebem mais de 5 salários. Quem respondeu votar em Guilherme Coelho recebe até 2 salários (4%); mais de 2,5 salários (6%) e mais de 5 mínimos (3%). Carlos Andrade Lima surge com 1% entre os que ganham até 2 mínimos, 1% mais de 2,5 salários e o eleitor com mais de 5 mínimos não aparece. 

Onde estão os eleitores

Sobre onde estão os entrevistados, 21% dos que apontam Teresa Leitão vivem no Recife; 19% na periferia e 14% no interior. 14% dos eleitores de Gilson Machado estão na capital; 13% na periferia e outros 13% no interior. Para André de Paula 11% dos votos vêm do Recife; 10% da periferia e 11% do interior. Quem vota em Guilherme Coelho está na capital (3%), na periferia (3%) ou no interior (6%). Carlos Andrade Lima chegou a 1% no Recife; não pontuou na periferia e registrou 1% no interior. 

PESQUISA FOLHA DE PERNAMBUCO/ IPESPE - MARILIA SOBE EMPATE NO SEGUNDO LUGAR

Levantamento mostra intenções de voto dos pernambucanos para as Eleições 2022

A candidata Marília Arraes, do Solidariedade segue liderando, com 31% das intenções de voto, a corrida para o Governo de Pernambuco, de acordo com a 2ª Pesquisa Eleições 2022 Folha de Pernambuco/Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (IPESPE). Em segundo lugar, há um empate técnico entre todos os outros candidatos mais bem pontuados: Raquel Lyra (PSDB) tem 13%; Anderson Ferreira (PL) foi o escolhido por 12% ; Danilo Cabral (PSB) ficou com 11% e Miguel Coelho, do União Brasil, com 10%. Brancos e nulos somaram 12% e não sabe/não responderam

Esses números refletem a pesquisa estimulada, onde os eleitores recebem um cartão com todos os nomes que estão na disputa. A margem de erro é de 3,2 pontospercentuais para cima ou para baixo. 
A pesquisa foi realizada entre os dias 10 e 12 de agosto e ouviu mil pernambucanos de todo o Estado. Ela está registrada no TRE/PE com o protocolo PE-00637/2022 e, no TSE, com o número BR-04466/2022. 

Comparação

A primeira pesquisa teve sua coleta de dados realizada entre os dias 28 e 30 de junho deste ano. Comparando os dois levantamentos, a candidata Marília Arraes subiu dois pontos percentuais – de 29% para 31% na segunda pesquisa.

Já Raquel Lyra e Anderson Ferreira permaneceram com o mesmo percentual da primeira pesquisa. O candidato governista Danilo Cabral subiu um ponto percentual, de 10% para 11%. O mesmo aconteceu com Miguel Coelho, que passou de 9% para 10%. O empate técnico no segundo lugar leva em conta a margem de erro indicada pela pesquisa. 

Ainda de acordo com o levantamento, Wellington Carneiro (PTB) tem 1% das intenções de voto. Os demais candidatos Esteves Jacinto (PRTB), Jadilson Bombeiro (PMB), Cláudia Ribeiro (PSTU), Jones Manoel (PCB), João Arnaldo (PSOL) e Ubiracy Olímpio (PCO) não pontuaram. 

Rejeição

Entre os eleitores, 12% disseram que não pretendem votar em nenhum desses nomes. O mesmo resultado da primeira rodada da pesquisa. Já aqueles que disseram que ainda não sabem em quem vão votar ou não quiseram responder, passou de 15% para 10%. 

Os entrevistados também foram perguntados em que candidato,  não votariam de jeito nenhum. Neste caso, a maior rejeição ficou com Anderson, apontado por 25% dos pesquisados. Em seguida, vem Danilo, com 22%. Marília  é a terceira mais rejeitada, tendo sido apontada por 20% dos entrevistados. Miguel e Raquel têm 16% e 15% de rejeição, respectivamente. 

Entre aqueles que pretendem votar em um dos candidatos já mencionados, 73% dos entrevistados afirmaram que suas escolhas já estão definidas. Outros 26% disseram que ainda podem mudar o voto até o dia da eleição.

Resultados em grupos específicos

A 2ª Pesquisa Eleições 2022 Folha/IPESPE ainda mostrou que a candidata Marília Arraes (SD) é a preferida entre os homens, 32%, e também entre as mulheres, 29%. Já o segundo lugar, para o eleitorado masculino, ficou com Anderson Ferreira (PL), com 15%. Entre o público feminino, o segundo lugar ficou com Raquel Lyra (PSDB) com 13%.

Em terceiro lugar, para os homens, está Raquel com 14%. Danilo  (PSB) vem em seguida, com 10% das intenções de voto. Já Miguel  tem 10% desse eleitorado. Em relação à escolha das eleitoras pernambucanas, o terceiro colocado é Danilo (PSB),  com 11%. Depois, vem Miguel com 10% e o quinto lugar é de Anderson  com 9% das intenções de voto das mulheres. 

Faixa etária

Por faixa etária, Marília Arraes também vence em todas elas. Entre os mais novos, de 16 a 24 anos, ela é preferida por 27%. Raquel  Lyra vem em seguida, com 18%. Anderson  é o escolhido por 12% ; Miguel Coelho tem 10% e Danilo Cabral, 9%.

Já na faixa etária mais velha, 60 anos ou mais, Marília Arraes é a escolhida por 32% dos entrevistados. Raquel Lyra fica em segundo, com 16%; Anderson Ferreira tem 13%; Miguel Coelho, 9% e Danilo Cabral, 8%.

Região
Quando levado em conta o domicílio do eleitor, 34% dos que moram na Capital votam em Marília Arraes. Anderson Ferreira tem 19%. Danilo Cabral ficou com 11%. 

Já entre os entrevistados que moram na periferia, Marília tem 28%; Anderson, 19% e Raquel, 11%. No interior, a candidata do Solidariedade alcança 31%. Os dois ex-prefeitos de Caruaru e Petrolina empatam em segundo lugar, com 15% cada 

domingo, 14 de agosto de 2022

Na Lupa🔍 Segunda 15/08/22, Blog do Edney

BLOG DO EDNEY
NA LUPA 🔍


A INELEGIBILIDADE SERÁ DECIDIDA PELOS TRIBUNAIS ELEITORAIS COM NOVAS REGRAS

Começamos aqui caro leitor explicando que a Lei Complementar de 29 de Setembro de 2021 alterou a Lei Complementar n° 64/1990 e incluiu o seguinte artigo que será testado na seara jurídica nas eleições deste ano de 2022. É uma mudança que está gerando controvérsias aqui em Garanhuns, mas também em todo o país. Hoje trazemos aqui na coluna NA LUPA o artigo que foi inserido na respectiva lei que vai dar o que falar a nível de interpretação, mas que caberá aos tribunais a palavra final. Eis o artigo inserido na lei e que já está valendo para as análises de contas rejeitadas: 
§ 4º-A. A inelegibilidade prevista na alínea “g” do inciso I do caput deste artigo não se aplica aos responsáveis que tenham tido suas contas julgadas irregulares sem imputação de débito e sancionados exclusivamente com o pagamento de multa. - Nossa coluna começa a partir daqui nesta segunda feira. Vamos lá :
AS LISTAS DE INELEGÍVEIS- As listas enviadas pelos órgãos de fiscalização e controle (TCU/TCE) evidenciam que as câmaras municipais rejeitaram aquelas contas que estão escritas na relação envidas a Justiça Eleitoral. Porém é importante destacar que o mero envio da lista ao Tribunal Eleitoral e determina que o nome que está constando na mesma esteja de fato e de direito inelegível. Não! Não caros leitores, haverá uma segunda etapa de filtragem por parte da Justiça Eleitoral. Cabe ao Ministério Público Eleitoral fazer as respectivas denúncias e entrarem com ação, porém quem vai decidir se aquela “conta rejeitada” caracteriza que os ex-gestores estão inelegíveis, serão na prática os Desembargadores Eleitorais ou os Ministros do TSE, através de sentença que será prolatada nos autos do processo de registro de candidaturas. 
AS LISTAS DO TCE  - Na legislação anterior em vigor até a sanção presidencial de Jair Messias Bolsonaro(PL) está nessas listas era “caixão e vela preta”. Porém agora surge uma esperança para aquelas pessoas que na qualidade de gestor público erraram sem terem praticados desvios e danos e principalmente, sem terem usufruído das coisas para gerar um “enriquecimento ilícito” do referido agente público. Há uma ressalva SIM!! E muitos dos que estão na lista divulgada pro TCE e TCU serão candidatos e não serão alcançados pela Lei da Ficha Limpa e estão com suas candidaturas liberadas e aptos para a vida pública. Porém, repito: caberá às cortes eleitorais, através de documento próprio, fornecer essa certidão de elegibilidade. 
MUDANÇA- Detentores de cargos ou funções públicas cujas contas foram julgadas irregulares, mas sem dano ao erário público e punidos apenas com multa, não ficarão mais inelegíveis, de acordo com a nova realidade trazida pela nova legislação. O texto, que tem origem na Câmara e foi aprovado também no Senado, altera a lei de 1990 que trata dos casos de inelegibilidade. Atualmente, a Constituição indica que se não houvesse possibilidade de recurso, ficariam inelegíveis por 8 anos candidatos que tivessem as contas rejeitadas.
Bolsonaro decidiu não vetar nenhum trecho do texto aprovado no Congresso, segundo o comunicado que foi enviado pela Secretaria-Geral da Presidência.
Na avaliação do executivo, “a sanção presidencial assegura evitar que a punição excepcional e grave de inelegibilidade seja imposta de forma desarrazoada e atentatória aos direitos políticos fundamentais, sem descuidar, no entanto, da proteção à moralidade, à probidade administrativa e da garantia da normalidade e legitimidade das eleições”, diz o comunicado emitido por Jair Messias Bolsonaro(PL) em 2021., sobre a Lei Complementar 184, de 2021, que flexibiliza a punição para agentes públicos que tenham as contas rejeitadas. 
LEI ANTERIOR- Pela legislação anterior, todos os condenados por improbidade administrativa ficavam inelegíveis por oito anos. Bastava aqui que as contas de gestores fossem rejeitadas pelas câmaras de vereadores para banir da vida pública gestores que muitas vezes não praticaram atos dolosos(com intenção de causar danos às finanças públicas ). Na pratica caro leitor era uma mistura de “joio e trigo” que na prática jogava na “mesma vala” os cidadãos de bem e os “bandidos” que causavam violações as finanças públicas. 

LEI ATUAL- Agora, a restrição só vale para quem tiver as contas julgadas irregulares com imputação de débito. A lei foi publicada no Diário Oficial da União, no ano passado. A nova norma é resultado do projeto de lei complementar (PLP) 9/2021, aprovado pelos senadores. Segundo o relator da matéria, senador Marcelo Castro (MDB-PI), o objetivo é evitar que agentes públicos sejam tornados inelegíveis pelo cometimento de infrações meramente formais, com pequeno potencial ofensivo e que não tenham causado dano ao Erário nem enriquecimento ilícito.
ENTRARÁ EM FUNCIONAMENTO- De acordo com a Lei Complementar 184, de 2021, os agentes que tenham contas julgadas irregulares sem imputação de débito e punidos exclusivamente com o pagamento de multa ficam livres para disputar eleições. O texto altera a Lei da Inelegibilidade (Lei Complementar 64, de 1990) e se aplica a todos os ordenadores de despesa da administração pública. Agora é que a “cobra vai fumar”, pois os Tribunais Eleitorais irão julgar cada caso individualmente um a um, sem pular nenhum. Então esperamos que tudo isso irá gerar uma importante jurisprudência( Jurisprudência é um termo jurídico, que significa o conjunto das decisões, aplicações e interpretações das leis A jurisprudência pode ser entendida de três formas, como a decisão isolada de um tribunal que não tem mais recursos, pode ser um conjunto de decisões reiteradas dos tribunais, ou as súmulas de jurisprudência). Vários políticos aguardam ansiosamente o que vai “rolar” nos tribunais este ano de 2022 para saberem se serão candidatos a prefeito ou a vereador em 2024. É isso aí.

PASSANDO A LUPA 🔍

WOLNEY - O deputado federal Wolney Queiroz (PDT) visitou neste sábado (13), a Associação Comunitária do Sítio Bananeira, na zona rural de Jupi. Acompanhado do vereador Luiz Ricardo, que é técnico em agropecuária, Wolney conversou com moradores e representantes de outras associações de agricultores. Recentemente, Wolney destinou um trator, um gradão e uma retroescavadeira para os agricultores familiares da região. Ele lembrou o trabalho iniciado em Caruaru, junto ao MST e às associações, com a destinação de tratores e outros equipamentos para dar melhores condições de trabalho ao homem do campo. Acompanhado pelo secretário estadual do Trabalho, Emprego e Qualificação, Alberes Lopes, Wolney também visitou a sede da ADEC (Associação de Desenvolvimento Comunitário de Jupi), onde o governo de Pernambuco está instalando uma COPE (Central de Oportunidades de Pernambuco), que vai trazer importantes serviços para a população de Jupi e de cidades vizinhas.

POÇÃO- Neste sábado (13), o prefeito de Poção, Merson Vasconcelos, no Sertão pernambucano, confirmou que fechou com o deputado Romero Sales Filho (UB) para vaga de estadual. A confirmação ocorreu durante visita do parlamentar ao município, ampliando assim suas bases políticas no Estado. Além do chefe do executivo e de secretários municipais, seis vereadores de Poção também fecharam apoio ao projeto de reeleição para deputado estadual.
“Vamos trabalhar e levar suas propostas, seu nome e seu trabalho para toda cidade. Escolhi você porque confio e venho acompanhando seu desempenho, e com certeza você vai fazer muito em benefício de Poção”, disse o prefeito do município Merson Vasconcelos. Ainda segundo o gestor, seu grupo político vai se empenhar muito para que Romero Filho conquiste uma grande vitória.
PERSEGUIDOS - Após reunião em Brasília com o presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), na última sexta-feira (12), o candidato ao Governo de Pernambuco, Anderson Ferreira (PL), destacou que, na visão da Executiva Nacional do Partido Liberal e o próprio presidente, ambos serão “os perseguidos” nas eleições deste ano. Desde que passou a comandar o Palácio do Planalto, Bolsonaro tem sido alvo de críticas por parte de diversos setores devido à defesa de princípios cristãos. A avaliação do PL é de que, com o alinhamento entre as candidaturas de Bolsonaro, Anderson e Gilson Machado Neto (PL), o mesmo cenário visto a nível nacional será replicado na disputa estadual. Segundo Anderson, “o PT e o PSB estão se desesperando cedo demais”.
MARIA/ FABRIZIO - A candidata à Câmara dos Deputados, Maria Arraes, recebeu,   ontem, sábado (13), um importante apoio vindo de Água Preta, na Zona da Mata Sul de Pernambuco: Eduardo Coutinho, prefeito do município por quatro mandatos, aliado de primeira hora dos ex-governadores Miguel Arraes e Eduardo Campos e uma das principais lideranças políticas da região. Coutinho, que integrou o Diretório Nacional do PSB por 22 anos reuniu uma multidão para apresentar Maria como sua candidata a deputada federal. Durante o evento, Maria ouviu e conversou com lideranças locais e com a população em geral. Muito festejada, posou para selfies, distribuiu abraços e atenção. O deputado estadual e candidato à reeleição, Fabrizio Ferraz acompanhou o encontro. Estiveram presentes também os ex-vereadores Elias do Alegrete e Miguel, ambos com três mandatos; Lula do Ariado; Lourinho e Miguel, além de Rosália Goes, ex-secretária de Saúde de Água Preta e Wemerson, jovem liderança política da cidades.
MASTERBOI- A fábrica da Masterboi no município de Canhotinho, que vai gerar 800 empregos diretos e cerca de 3,5 mil indiretos, além de estimular a cadeia de negócios e serviços ligados ao segmento, será inaugurada na próxima segunda-feira, 15 de agosto.
O novo frigorífico industrial tem capacidade de abater 700 cabeças de gado por dia, além de ovinos, caprinos e suínos em uma área de 120 hectares.
CANDIDATO PADRÃO - A partir da próxima terça-feira (16), começa oficialmente a campanha eleitoral voltada para os cargos majoritários e proporcionais. Um dia antes, nesta segunda-feira (15), termina o prazo para o registro de candidaturas, junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), também com vistas ao pleito de outubro deste ano.Assim, mesmo faltando ainda mais de 24 horas para o final do processo, já é possível conhecer o “perfil padrão” dos candidatos. Conforme dados no site do TSE, quase 50% dos concorrentes se classificam como brancos (9.215). Além disso, 9.806 se declararam casados e 10.723 com ensino superior completo. Homens são 13.557. Do total, 34% se dizem pardos (6.345) e 14% afirmam ser negros (2.593). Indígenas são 0,6% (122).
RICÃO - Em meio à divulgação dos dados relativos ao patrimônio dos candidatos a algum cargo eletivo no pleito de outubro, o valor declarado pelo "vencedor dessa disputa", até agora, chama a atenção.
Herdeiro do Grupo Votorantim, o empresário Marcos Ermírio de Moraes, tem uma fortuna de R$ 1,2 bilhão. O executivo - filiado ao PSDB - vai entrar na disputa como segundo suplente ao Senado, na chapa encabeçada pelo ex-governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB-GO).

FRASE DO DIA“[Bolsonaro] está apavorado. Se ele quisesse que o Auxílio Brasil não acabasse, não teria feito só até dezembro. Enquanto não acabar com a fome, não tem como acabar com o Auxílio Emergencial. Não tem explicação para ver mulher num açougue pegando osso.” (Lula)